Batendo um papo de rua trilha caminhos para organização de ações.

O Encontro que aconteceu no último dia 09/05,  foi bem típico da rua e traçou algumas ações dos coletivos da cidade.

Batendo um Papo de Rua

O coletivo Papo de Rua é a união de artistas e pessoas de diferentes linguagens da cultura e arte urbana que tem a preocupação em desenvolver, divulgar e fomentar as artes de rua.

Para isso buscamos a evolução da qualidade técnica, profissionalização dos artistas e eventos realizados, produzindo informação, dando acesso e formando um público consciente quanto à arte e cultura urbana.

Na ultima quinta dia 09/05 o coletivo Papo de Rua, realizou um bate papo sobre diversos pontos em torno das artes urbanas e seus universos. Estiveram reunidos na praça dos imigrantes no centro da cidade vários grupos e coletivos das mais diversas linguagens da cultura urbana, atletas do skate e cultura Hip Hop de Campo Grande.

Durante o evento foram debatidos os assuntos :

  * Organização dos coletivos nas realizações de eventos;
*Leis de incentivo, lei orgânica do município, fundos de investimento e estratégias para a     cultura urbana no cenário de Campo   Grande, MS e Brasil.
*Grafite x pichação ou grafite e pichação.
*Ocupação dos espaços públicos.

No final do evento a Guarda Municipal compareceu com o efetivo no uso de suas atribuições dando a famosa geral naqueles que ainda estavam presentes na praça após o final do encontro.

Devido a algumas ”irregularidades” como, por exemplo, portar tinta na mochila alguns presentes foram detidos e levados à delegacia de polícia onde foram interrogados e fichados. Na ocasião o delegado de plantão quis saber o que era o papo de rua e enfatizou que querem acabar com o movimento.
Definimos então a realização de novos encontros com a presença da imprensa, advogados e todos os afins para dar continuidade à organização da arte urbana da Capital do MS que vive um momento de efervescência cultura.

Vale lembrar que o coletivo Papo de Rua não se manifesta a favor e nem contra pichações, as quais que tem sido alvo de grande repercussão nos últimos meses aqui na capital. Entendemos que a pichação é um tipo de cultura urbana que está manifestada em todos os centros urbanos, principalmente nos maiores e que o grafite nada mais é que uma complementação, ou até mesmo a evolução da pichação. A diferença está apenas na estética, porém trata-se basicamente da mesma coisa: tinta na parede.

Lembramos também que este é um assunto meramente corriqueiro comparado aos demais problemas sociais que frequentemente são exibidos tanto na internet como nos demais meios de comunicação,  e que isso é apenas uma estratégia para DESVIAR A ATENÇÃO DA POPULAÇÃO mediante aos escândalos de corrupção e negligencia que fazem parte do nosso dia-dia. Na verdade o que dá pra entender é que estão taxando pichadores como bandidos e os verdadeiros bandidos como celebridades. O que também está sendo discutido é a forma como o criminoso de pichação ou depredação está sendo punido  e não exatamente se vai acabar ou não. Na verdade consideramos impossível pararem de pichar por se tratar de cultura urbana.

Se vivemos em uma democracia, que se faça valer pois liberdade de expressão não é crime e é disso que estamos falando. (Papo de Rua)

Papo de Rua no rolê com CuRuMeX!!!

Entre a cultura do boi e o crescimento das nossas cidades aqui em Mato Grosso do Sul, a sociedade sente e está cada vez mais atenta aos movimentos de cultura urbana pelas ruas. É fato que num estado dominado e vanguardiado por culturas country e sertaneja, fica mais difícil abrir a mente das pessoas para a artes urbanas e movimentos oriundos especificamente das ruas.

Nesse contexto o protagonista do nosso rolê de hoje, o artista, músico, rapper, skatista, empresário e agora bem dizer “fotógrafo” CURUMEX, separou algumas fotos as quais deixam claro a evidência de que a cultura de rua cresce e ganha cada vez mais espaço nos muros e espaços publicos pela city. Nelas estão alguns grafites realizados pelo artista na sua loja de conveniências, locais autorizados e fachadas comerciais. As demais foram tiradas aleatóriamente pela cidade.   Confira as fotos:

Curumex

CURUMEX artista, músico, rapper, skatista, empresário e agora bem dizer “fotógrafo”

rolecrm16

rolecrm29

rolecrm17

rolecrm18

rolecrm19rolecrm20rolecrm25rolecrm26rolecrm27rolecrm28rolecrm29rolecrm30rolecrm1rolecrm2rolecrm3rolecrm4rolecrm5rolecrm6rolecrm7rolecrm8rolecrm9rolecrm10rolecrm11rolecrm12rolecrm13rolecrm14rolecrm21rolecrm23rolecrm22rolecrm24

Grafite em movimento: Escadas rolantes viram murais de graffiti em Israel

Inusitado! Essa é a definição para essa espetacular intervenção que o artista israelense Dover D fez nas escadas rolantes de acesso da sede da Prefeitura de Tel Avi, em Israel. Feitas em segundos, a obra é revelada como se fosse um filme passando em um projetor. Uma idéia que proporciona uma nova mídia para shoppings e lugares com escadas rolantes. Certeza que não demorará para publicitários colocarem em prática essa ideia genial. Confira as fotos e aperte o play para ver o vídeo com o grafite em movimento. É muito bacana!

Fonte: Acho Digno Blog

Papo de Domingo da Orla….Stencil e grafite!!!

No Papo de Domingo de hoje combinamos o rolê com a crew DAMAS que lançou o desafio   de colocar em prática o stencil infinito na Orla Morena. Porém a já intitulada “engenhoca” pra fazer isso teve alguns problemas e ficou a promessa da gente colocar pra funcionar num outro dia. Sem se abater com isso, elas fizeram uma sessão com stencils em homenagem ao Papo de Rua, o que abrilhantou nossa tarde juntamente com o grafite dos artistas SAN e BTN, que já faziam um rolê no local no momento em que chegamos, acrescentando um “bônus art” pro artigo.  Só agradece rapaziada.

Valeu DAMAS vida longa pra vocês!!!…A homenagem com o stencil que vocês fizeram para o  Papo de Rua vai para a capa do blog e do face neste mês…Papo de Rua Agradece! Confiram as fotos dessa tarde da orla, ops da hora!!!

Este slideshow necessita de JavaScript.

por @guifreizan – @Papo_de_Rua

Gostou? Faz alguma arte da rua? Quer participar do Papo de domingo? Então entre em contato com a gente através das redes sociais ou por e-mail contato.papoderua@gmail.com. Manifestações em todas as modalidades são válidas arte, dança, música, skate ta tudo junto e misturado aqui…..

Fashion Art Street movimenta moda e cultura urbana na capital morena pantaneira

Rolou hoje no Centro popular comercial mais conhecido como  “Camelódromo“de Campo Grande/MS, o evento Fashion Art Street que reuniu moda e cultura de rua, com com um desfile e apresentações de street dance, break e intervenções em grafite. O evento dá inicio as comemorações de 113 anos da cidade morena que acontecem em vários pontos da cidade até o final do mês. No desfile de moda foram apresentadas peças masculinas e femininas que são vendidas no próprio camelódromo, o bom e velho estilo “street“, que cada vez mais  veste e influencia jovens pelo mundo todo. Vários artistas estavam presentes e a galera do grafite e das arte visuais, apesar de não haver parede para live paints no local, mostraram impressionantes painéis que instigam ainda mais nossos sentidos e esforços para buscar espaços voltados a arte e cultura de rua. Confira as fotos.

———Grafitagem /Artes Plásticas——–

Muriel Curumex

Legais esse móbiles 

Deko

Giu Beto

Gnomo

Guto Naveira

Hugo e Liu

Marreco e Saravá

ResaUm

João Tatoo – Tox – Agata

Ladys RezaUm

Thom e Toshio

por @guifreizan para @Papo_de_Rua

Fotos do desfile: RBVNews

Pelo Mundo – Arte Urbana é tendencia em Metrópoles- Kiew/UCRÂNIA

Semana passada vimos aqui no Brasil, em São Paulo, vários painéis de grafites enormes que foram manchete e tendencia, mais isso não esta ocorrendo só por aqui. Dois artistas ucranianos AEC & WAONE criaram o projeto “Interesni Kazk “que significa “Conto de fadas“. São intervenções de grafite gigantescas que foram elaboradas pelos muros e prédios da cidade com personagens lúdicos e cores vibrantes. É cada vez mais comum em grandes metrópoles e centos regionais urbanos intervenções artísticas ligadas a arte de rua. Os próprios governantes e a iniciativa privada querem um colorido a mais na sua cidade uma tendencia que timidamente vem se repetindo em lugares menores ou com culturas extremamente opostas e rurais. Confira as fotos dessa maravilhosa arte que embelezou as ruas de Kiew.

e só pra ter uma noção do tamanho…

Belissimo trabalho!!

Fonte: Criatives